Islândia e as Auroras Boreais

Saída Especial em 10 de Novembro de 2018

Roteiro - €€€€ ?

Esta viagem foi desenhada de maneira a proporcionar uma verdadeira experiência pelas mais diversas paisagens que a Islândia oferece. O fato de ser um roteiro itinerante, garante que teremos tempo para realmente vivenciar cada um dos impressionantes atrativos que o destino apresenta. Tudo isso em um pequeno grupo, com guia em português, e se hospedando em lugares muito especiais.

Os 4 primeiros dias, viajaremos pelo interior do país, que, por ser uma região mais escura, reúne mais condições de ver as Auroras. Desta maneira, teremos grandes chances de contemplá-las neste mês de novembro. E, por ainda não ser alto inverno, nos permite realizar passeios que não seriam possíveis no inverno.

 

Roteiro – Dia a dia

 

 

1º Dia – 10/11 – REYKJAVIK

Chegada e traslado ao hotel em Reykjavick. Acomodação por 02 noites com café da manhã. Recepção por nosso guia que fará um pequeno briefing sobre a nossa viagem e o restante dos dias. Noite livre.

2º Dia – 11/11 – REYKJAVIK

Café da manhã. Faremos um passeio pela cidade passando por Höfði, a casa onde Reagan e Gorbachev se reuniram em 1986 para negociar o inicio do fim da guerra fria, atravessaremos o centro da cidade, pela área do Porto e Marina, pelo campus da Universidade, pelo rio Elliðaár e o vale de Laugardalur. Passaremos também pela House of Parliament: Uma estrutura clássica do século XIX, construída em 1881. Alberga Althingi, o parlamento islandês. Junto ao parlamento é Reykjavik Catedral que é a sede do Bispo da Islândia; Hallgrimskirkja: Permanente no alto de uma colina, as torres de igreja de Hallgrimskirkja sobre a cidade de Reykjavik. A torre da igreja é de 75 metros de altura e do topo você tem uma vista panorâmica de Reykjavik; Harpa: Um teatro para conferências e concertos, localizado no porto de Reykjavik. A estrutura é revestida em aço com painéis de vidro coloridos e diversos museus que vale muito a pena visitar, incluindo o Museu Nacional de Kjarvalsstadir e a Galeria Nacional da Islândia. Noite livre.

3º Dia – 12/11 – REYKJAVIK// Circulo dourado – HELLA

Após café da manhã no hotel, faremos um passeio pelo Circulo Dourado, o principal atrativo do país, que combina as diversas paisagens que a Islândia. Começamos pelo Parque Nacional Thingvellir, de grande interesse histórico na cultura Viking, conhecido por ser o local de reunião para grandes decisões entre as tribos Vikings. Estas reuniões eram chamadas de Althingi, que significa parlamento e o primeiro aconteceu em 930. É também considerado um fenômeno geológico, de pé sobre duas placas tectônicas que se movem gradualmente, se afastando uma da outra. Thingvellir é considerado como um patrimônio Mundial da Unesco. Seguiremos então à Geysir, uma série de gêiseres quentes jorrando, o mais famoso deles e o mais energético é o Grande Geysir Strokkur, que jorra a uma altura de 40 metros. Se o tempo permitir, visitaremos Kerid, uma cratera vulcânica, localizada em Grimsnes. Kerid é um grande lago, d 170 metros de largur por 270 metro de diâmetro. A partir daí, seguiremos em direção à geleira de Langjökull onde durante 1 hora iremos experimentar um emocionante passeio de moto de neve sobre o vasto manto branco das montanhas. Continuaremos até chegada ao hotel em Hella. Acomodação por 1 noite. À noite, vamos à caça das auroras boreais, e com sorte, novamente, veremos muitas!

4º Dia –13/11- HELLA // JOKULLSARLON – Passeio pela Costa este

Hoje sairemos para um passeio pela Costa Leste. Nossa primeira parada será na aldeia de Vik onde encontraremos uma praia de areia preta e algumas fantásticas atrações como as pitorescas colunas de basalto e o magnificente Reynisdrangar. Seguiremos então à Skaftafell, o maior parque nacional na Islândia que oferece um cenário incrivel. A paisagem em torno de Skaftafell é cheia de contrastes. As várias línguas glaciares são ladeadas por montanhas irregulares, com o pico Hvannadalshnjúkur a crescer bem mais alto, até os 2.109 mts (6921 ft), tornando-o o ponto mais alto da Islândia. Faremos uma curta caminhada até a Geleira de Svinafellsjokull onde poderemos observar uma lingua desse glaciar que desliza de uma forma deslumbrante desde o Glaciar principal, o “Vatnajokull“. As geleiras são um verdadeiro fenômeno natural e é uma experiência incrível caminhar sobre a superfície, sobre o gelo que se formou milhares de anos atrás. As geleiras estão constantemente em movimento. O gelo glacial cede à força da gravidade e lentamente flui em várias formas ao longo do tempo. Continuaremos até a chegada a Jokulsarlon, uma enorme lagoa com icebergues flutuantes, onde os mais aventureiros podem fazer uma viagem de barco para se aproximar dos icebergs (opcional). Recentemente tornou-se o lago mais profundo da Islândia, com mais de 248 mts (814 ft) de profundidade, já que o recuo do glaciar fez crescer as suas fronteiras. O tamanho do Lago aumentou quatro vezes desde a década de 1970. Considerado como uma das maravilhas naturais da Islândia. Chegada ao hotel. Acomodação por 1 noite. À noite, vamos à caça das auroras boreais, e com sorte, novamente, veremos muitas!

5º Dia –14/11- JOKULLSARLON // HELLA – Da Costa Leste à Costa Sul Hella

Ainda antes da despedida do Glaciar Vatnajokull iremos fazer um passeio sobre a maior Geleira da Islandia. Seguiremos então para a costa sul da Islândia é conhecida por sua beleza natural. Cachoeiras de cair o queixo e praias de areia negra que vão muito além do que nossos olhos podem ver. É apenas a metade do que iremos testemunhar.

Nossa primeira parada será na Cachoeira de Seljalandsfoss, onde a água flui pela famosa geleira vulcânica de Eyjafjallajokull. Com 60 mts de queda d´água, por trás da cachoeira há uma trilha por onde se pode andar caso não nos importemos de ficar um pouco molhados. Continuaremos até Reynisdrangar, basalto empilhado no mar do oceano Atlântico Norte. A lenda diz que as pilhas se originaram quando dois trolls arrastaram um navio de três mastros para a terra, sem sucesso, e quando a luz do dia surgiu os mastros se tornaram agulhas de rochas. Passaremos em Dyrhólaey, uma pequena península, ou promontório, localizado na costa sul da Islândia, não muito longe da vila de Vik. Anteriormente era uma ilha de origem vulcânica, que também é conhecida pela palavra islandesa “eyja” que significa ilha. A visão de Dyrhólaey é interessante: ao vemos a grande geleira Mýrdalsjökull. Para o leste, as colunas de lava negra do Reynisdrangar saem do mar e, a oeste, todo o litoral em direção a Selfoss é visível – dependendo das condições climáticas. Em frente à península, há um gigantesco arco preto de lava de pé no mar, que deu à sua península o nome (que significa: a ilha da colina com o furo da porta). E por final, passaremos pela Cachoeira de Skogarfoss, que é considerada como uma das mais belas cachoeiras da Islândia. Caindo como um trovão em um pequeno canyon, é tranqüilo caminhar por todo o percurso e capturar todo o momento de glória. Chegada em Hella. Acomodação por 01 noite. À noite, vamos à caça das auroras boreais, e com sorte, novamente, veremos muitas!

6º Dia –15/11- Hella Costa Sul// Penínsulta de Reykjanes + Lagoa Azul // Reykjavik

Café da manhã. Sairemos em direção a Reykjanesskagi é uma peninsula localizada no extreme sudoeste da Islândia, próxima a capital Reykjavik. A península é marcada por atividades vulcânicas sob a sua superficie e grandes campos de lava, permitindo pouca vegetação. Existem inúmeras fontes termais de enxofre para se ver na península. Visitaremos Kleifarvatn Lake, o lago havia começado e diminuir, cerca de 20% até o seu desaparecimento, desde o ano 2000 quando houve um grande terremoto, o lago começou a encher novamente e em 2008 havia atingido o seu nivel total. Continuaremos visitando a Área Geotérmica de Seltun; gases e água sulfurosa criaram depósitos coloridos, o solo é todo colorido em verde, amarelo e vermelho e depois Krysuvikurbjarg, um penhasco onde se avista as águas do Oceano Atlântico Norte quebrar sobre as falésias. Também é conhecida por abrigarem pássaros e é claro pela sua beleza surpreendente. Finalizamos o dia visitando a Lagoa Azul, que é sem dúvida, um dos pontos mais visitados da Islândia. A água geotérmica tem origem a 2.000 metros abaixo da superfície, onde a água doce e a água do mar se combinam a temperaturas extremas, que são aproveitadas através de furos em uma fábrica de energia geotérmica, Svartsengi, para criar eletricidade e água quente para as comunidades próximas. Em seu caminho para a superfície, a água pega sílica e minerais, antes de emergir em águas calmas a 38° C (100° F), perfeito para um banho relaxante. Aproveitaremos o final da tarde para curtir o local. À noite, poderemos jantar na Lagoa Azul (não incluido) e depois sairemos para caçadas as Auroras. Ao final, traslado ao hotel em Reykjavik. Acomodação por 01 noite.

7º Dia –16/11- REYKJAVIK

Em horário combinado, traslado ao aeroporto internacional de Keflavik, que fica a 45 minutos do nosso hotel.

Nota: A saída para caçar as auroras começa em torno das 21h00 e vai até à meia noite ou uma hora da madrugada, dependendo da intensidade das luzes. Neste roteiro incluímos 2 delas, em dias em que as condições climáticas e o forecast das auroras assim o determinarem. Não é garantido ser exatamente nos dias planejados! Pode haver alteração na data de saída devido às condições climáticas.

COMPARTILHE:
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInShare on Tumblr

Serviços

Inclui:

Hospedagem por 6 noites com café da manhã;
Guia/motorista em português;
Ingressos de entrada na Lagoa Azul Resort;
Caçada às Auroras –saída para as caçadas, sempre que as condições climáticas o permitam;
Passeios descritos no roteiro;
Caminhada no gelo;
Passeio com moto em neve no topo da geleira;
Seguro Viagem Internacional – Intermac, Cobertura Prata (Consulte suplemento para maiores de 75 anos);
Kit Viagem;
Assistência ao embarque no aeroporto internacional de São Paulo, em Guarulhos (para os passageiros que emitirem o aéreo conosco).

Não Inclui:

Passagem aérea;
Alimentação;
Despesas de caráter pessoal;
Gorjetas;
Passeios opcionais;
Qualquer item não mencionado como incluído.

 

FW